Melhores tratamentos para melasma na gestação

Melhores tratamentos para melasma na gestação

Durante a gravidez é muito comum a alteração de hormônios, principalmente quando se trata de pele. Os hormônios femininos como a progesterona e o estrogênio podem atuar na alteração da melanina, uma proteína que dá cor à pele, causando manchas ou pontos no rosto ou até mesmo em qualquer parte do corpo.

O aparecimento do melasma pode ser relacionado à alguns fatores, dentre entres estão: as mudanças hormonais relacionadas ao uso de anticoncepcional; pessoas em idade entre 20 a 50 anos; fatores genéticos; tons de pele mais escuros pela tendência ao aparecimento do melasma e exposição solar.

As manchas se intensificam quando se expõe ao sol. Após quatro a seis meses após a gravidez, a hiperpigmentação tende a diminuir, porém, é necessário o uso correto e constante do protetor solar.

Como prevenir o melasma?

Para evitar o aparecimento das mancinhas na pele durante a gravidez, é muito importante o uso de protetor solar. Mesmo com o uso do produto é importante não evitar o contato com o sol e, também pode ser ainda indicado, o uso de vitamina C tópica após o terceiro trimestre da gravidez. O nutriente é importante por ter ação antioxidante, que combate os radicais livres e ajuda a evitar o melasma.

Como tratar o melasma?

Em muitos casos o melasma pode desaparecer após o parto, porém cerca de 30% das mulheres mantém as manchas. Existem diversas formas de tratamento eficazes. As principais opções são:

  • Protetor solar: é o tratamento mais seguro e eficaz se usado da maneira correta e constante, sendo fundamentais no controle das manchas. O uso do filtro solar é fundamental durante a gravidez e o aleitamento, lembrando que mesmo após o parto, é necessário o uso do protetor solar, devendo ser repassado várias vezes ao dia para não perder a eficácia.
  • Peelings: o peeling com ácido deve ser feito somente após o parto, mas o peeling de cristal pode ser indicado durante a gravidez, já que não atinge as camadas mais profundas, mas que deve ser feito apenas com indicação médica.
  • Suplementos para melasma: alguns suplementos podem melhorar a situação, atenuando as manchas impedindo que se intensifiquem, como o picnogenol, luteína, licopeno, entre outros antioxidantes. Mas devem ser usados apenas com indicação médica, pois podem ser prejudiciais durante a gestação, se consumidos de forma inadequada.

 

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.