Proteínas para vegano: os suplementos mais consumidos

Proteínas para vegano: os suplementos mais consumidos

A indústria dos suplementos vem ganhando mais espaço com um público em ascensão, os veganos. Estima-se que aproximadamente 5 milhões de brasileiros são declarados veganos.

O nicho de suplementos veganos é uma tendência mundial e, como uma das principais preocupações, principalmente para quem está iniciando no veganismo, é o consumo de proteínas, diversos produtos são lançados anualmente à base de proteína vegetal que conseguem fornecer, além de aminoácidos essenciais, vitaminas e minerais.

Quais os suplementos proteicos mais utilizados na alimentação dos veganos?

Suplemento proteico à base de proteína da soja

A soja fornece uma proteína completa, com todos os aminoácidos que nosso corpo precisa. É isenta de colesterol e fonte de potássio, zinco, ferro, fósforo e vitaminas do complexo B. Além disso, fornece boas quantidades dos aminoácidos arginina e glutamina.

A soja possui as isoflavonas, compostos com grande poder antioxidante, o que pode ajudar ainda mais na recuperação muscular e proteção contra radicais livres.

Suplemento proteico à base de proteína do arroz

Também com aminoácidos essenciais, é uma ótima fonte das vitaminas E e B, é fonte de fibras e não possui gordura.

Dentre seus aminoácidos, estão: triptofano, isoleucina, leucina, lisina, metionina, tirosina, cisteína, fenilalanina, valina, histidina e treonina, ou seja, possui alto valor biológico e oferece uma grande quantidade de aminoácidos por dose.

Outro fator importante da proteína do arroz é que esse suplemento vegano é muito indicada para celíacos e intolerantes à lactose, considerada uma proteína de baixo potencial alergênico

Suplemento proteico à base de proteína da ervilha

É uma proteína com boas quantidades de BCAAs (aminoácidos de cadeia ramificada), que podem ajudar a recuperação pós exercício. A proteína de ervilha apresenta menor potencial para desenvolvimento de alergias ou intolerâncias. Tem maior concentração proteica e baixo teor de gordura, sendo gorduras insaturadas (boas) as mais presentes.

Tem uma excelente digestibilidade, e assim, evita desconfortos gastrointestinais. É rica em lisina, o que pode ajudar na absorção do cálcio, um fator importante para os veganos.

Suplemento proteico à base de proteína da batata

A batata possui proteínas de alta qualidade, ou seja, contém todos os aminoácidos essenciais para o nosso organismo. Além disso, assim como a proteína da ervilha, possui boas quantidades de BCAAs (leucina, isoleucina e valina), muito importantes para a síntese muscular.

A proteína da batata também apresenta glutamina (ótima para o sistema imune), metionina, lisina, treonina e triptofano. O uso das proteínas da batata é uma ótima opção para veganos e vegetarianos, além de apresentar menor ocorrência de alergias.

Suplemento proteico à base de proteína de amêndoa

A proteína da amêndoa é uma novidade no mercado de suplementos proteicos veganos, contém todos os aminoácidos em quantidades adequadas, fornece também vitaminas e minerais, e apresenta baixa quantidade de gordura.

Recomendação de proteínas para vegano e vegetariano

Atingir a recomendação proteica nessas dietas, pode ser difícil, quando à alimentação é monótona, à base de carboidratos refinados, porém, com o acompanhamento de um profissional essa meta pode ser alcançada diariamente.

Recomendações da Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) que se aplicam a dieta vegana:

  • A ingestão de proteínas deve permanecer entre 10% e 15% do valor energético total;
  • Indica-se a inclusão de duas porções de feijão, ou 4 colheres de sopa de grãos de feijão cozido na dieta vegetariana estrita;
  • O consumo de cereais e leguminosas não precisa estar necessariamente na mesma refeição, mas é bom que sejam consumidos no mesmo dia;
  • As leguminosas são as principais substitutas da carne, como: grão de bico, ervilhas, lentilhas, favas, soja e todos os tipos de feijão;
  • A soja contém grande quantidade de fitatos e oxalatos, seu uso é opcional para pessoas que apreciam seu consumo.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.