Suplementação para iniciantes: por onde começar?

Suplementação para iniciantes: por onde começar?

Muitos começam a fazer academia e já se perguntam: o que preciso suplementar? Antes de falar quais são os suplementos que os iniciantes podem consumir, é importante entender o que são suplementos e qual profissional pode avaliar e prescrever. 

Suplemento alimentar: o que é?

Suplementos alimentares são recomendados para suprir necessidades especiais quando não é possível obter os nutrientes necessários somente através da alimentação.  

Estes produtos são considerados ‘complementos’, porque fornecem uma oferta nutricional para suprir a que foi consumida. 

Dessa forma, não poderá ser recomendado de maneira generalizada, já que cada um possui uma necessidade nutricional e um hábito alimentar diferente. 

A pessoa que deseja iniciar a prática constante de atividades físicas deve consultar um nutricionista para uma avaliação completa da sua condição alimentar. 

Suplementação mais consumidos por iniciantes

Conheça as categorias de suplementos alimentares mais consumidos por iniciantes na maioria dos tipos de exercícios físicos. Lembrando que a suplementação pode variar de acordo com cada objetivo e características individuais.

Proteínas e aminoácidos

As necessidades proteicas de praticantes de exercícios físicos são maiores que as de um indivíduo sedentário, devido à necessidade de reparo de lesões induzidas pelo exercício e ganho de massa magra (massa muscular). 

O consumo de suplementos proteicos pode ser a partir de Whey protein (proteína extraída do soro do leite), proteínas vegetais, proteínas da carne e o uso de aminoácidos. 

Estes geralmente são a primeira escolha para iniciantes, devido ao aumento da necessidade proteica, que pode não ser suprida apenas com a alimentação.

Um dos aminoácidos mais consumidos são o BCAA, aminoácidos essenciais, ou seja, o corpo não produz e deve ser obtido através da alimentação. 

Indicado para reduzir o dano muscular causado pelo esforço físico, além de influenciar na recuperação de células de defesa do sangue.

 Outro aminoácido consumido é a creatina, responsável por fornecer mais força durante os treinos, pois funciona como uma espécie de fonte de energia para os músculos. Apesar de nosso corpo já produzir creatina, a quantidade não é o suficiente para a realização de treinos com mais intensidade. 

Energéticos e emagrecedores

Geralmente possuem como base, a cafeína, outros também promovem a mistura de vários ingredientes termogênicos como guaraná, chá verde, pimenta, canela, entre outros. 

Estes têm função energética, aumentando a performance física além de atuar no aumento da secreção da enzima lipase, que mobiliza os depósitos de gordura para utilizá-los como fonte de energia, podendo ajudar no emagrecimento. 

Multivitamínicos

Os multivitamínicos fornecem os micronutrientes, vitaminas e minerais, que o organismo do praticante de atividade física necessita, suprindo possíveis deficiências nutricionais, o que contribui no fortalecimento do sistema imunológico.  

Lembrando que todos esses suplementos devem ser prescritos por nutricionistas ou médicos, conforme as necessidades individuais, desta forma, antes de iniciar uma suplementação, procure a orientação de um profissional capacitado. 

Referências:

http://www.rbne.com.br/index.php/rbne/article/view/940

essentialnutrition.com.br/conteudos/suplementos-para-iniciantes-na-academia/

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.