Triglicerídeos alto: dieta como aliada ao tratamento

Triglicerídeos alto: dieta como aliada ao tratamento

​Os triglicerídeos, também conhecidos como triglicérides, são as principais gorduras do organismo e compõem a maior parte das gorduras de origem vegetal e animal da dieta. Quando há um elevado consumo de carboidratos na dieta, esse excesso é armazenado na forma de triglicérides, formando aquela gordurinha aparente com o tempo, além de poder causar algumas doenças. Confira as consequências do aumento dos triglicerídeos e como a dieta pode ajudar no tratamento.

Triglicerídeos alto

O consumo em excesso de doces, massas, pães, farinhas, torradas, etc., são metabolizados pelo  fígado, órgão responsável pela produção de triglicérides no corpo.

O fígado utiliza as concentrações de açúcares a mais e os transforma em triglicerídeos, que são armazenados nos tecidos adiposos (gordura), com a finalidade energética. 

Caso esse estoque de gordura não seja utilizado como fonte energética, durante exercícios e atividades ao longo do dia, o excesso ficará armazenado no corpo, como gordurinhas aparentes na região do abdômen e quadris, por exemplo. 

Além de afetar a parte estética, o excesso pode trazer consequências graves, tais como:

  • Aterosclerose (acúmulo de gordura nas artérias)
  • Aumento da pressão arterial e outras doenças cardiovasculares
  • Esteatose hepática 
  • Pancreatite (inflamação do pâncreas)

Dieta no tratamento de Triglicerídeos alto

A notícia boa é que através da alimentação, é possível reduzir os níveis de triglicérides, desta forma, recomendamos as práticas abaixo:  

Consuma Cereais integrais

Alimentos como aveia (flocos, farelo e farinha), arroz integral, quinoa, amaranto, lentilha, e sementes como a chia, linhaça, gergelim, abóbora e girassol. 

As fibras ajudam a reduzir os níveis de LDL, também conhecido como colesterol ruim, além de diminuir os picos de glicemia, que é o açúcar no sangue e manter o intestino saudável. 

Consuma gorduras boas

As gorduras consideradas boas ajudam a controlar os níveis do colesterol e reduzir os triglicerídeos, pois atuam como antioxidantes e anti-inflamatórios, contribuindo na melhor circulação sanguínea, prevenindo doenças cardíacas, como AVC, por exemplo. Invista em alimentos como: 

  • Azeite de oliva extra virgem
  • Oleaginosas (castanhas, amêndoas, nozes)
  • Sementes de chia, linhaça e girassol
  • Peixes como salmão, sardinha, atum e abacate

Os suplementos alimentares como o ômega 3 também são recomendados. 

Evite o consumo de bebidas alcoólicas e o tabagismo

Bebidas alcoólicas são altamente calóricas, estimulando a produção de triglicerídeos e por isso, devem ser evitadas. 

O tabagismo aumenta o risco de doenças cardiovasculares e diabetes, sendo um hábito prejudicial que potencializa os prejuízos causados pela alta taxa de triglicerídeos no sangue. Assim como o açúcar, ele causa resistência à insulina devido ao acúmulo de gordura no abdômen.

Quais os alimentos que aumentam os triglicerídeos? 

Nenhum alimento isolado é responsável pelo aumento dos níveis de triglicerídeos, no entanto, o consumo em excesso de alguns alimentos favorecem este aumento.

É importante reduzir o consumo de carboidratos refinados, pois estes são ricos em açúcar e farinha branca, sendo os principais na causa de triglicerídeos elevado. 

Evite produtos como açúcar, farinha de trigo, salgados, pizza, macarrão branco, pão branco, bolos, biscoitos em geral, sobremesas, refrigerantes e sucos artificiais.

Evite também, o consumo de gorduras “ruins”, como óleos vegetais (canola, soja, etc.), frituras, carnes gordurosas, salsicha, linguiça, presunto, mortadela, hambúrguer e comida pronta congelada.

Excesso de peso é a principal causa de aumento de triglicerídeos no sangue

Associar uma alimentação balanceada e exercícios físicos são essenciais para combater o alto nível de triglicérides, uma vez que o exercício aumenta a queima de gordura corporal.

Referências:

https://www.hcor.com.br/imprensa/noticias/alimentacao-balanceada-reduz-em-ate-50-os-niveis-de-triglicerides/

sonutricao.com.br/conteudo/artigos/triglicerideos/

servicos2.sjc.sp.gov.br/media/75717/orienta%C3%A7%C3%B5es%20para%20redu%C3%A7%C3%A3o%20do%20colesterol%20e%20triglicerides.pdf

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.