Vegano e Plant Based: Qual a diferença entre as dietas?

Vegano e Plant Based: Qual a diferença entre as dietas?

O conceito de Vegano e Plant Based ainda são confundidos e associados a mesma dieta. Um vegano pode ter uma dieta plant based, mas nem toda dieta plant based será necessariamente vegana, ficou confuso? Entenda as diferenças entre Vegano e Plant Based.

Vegano e Plant Based: Diferenças

A Plant Based diet é relativamente nova no Brasil e muito atrelada a uma alimentação vegana, mas não é bem assim.  Em uma tradução livre, a dieta baseada em plantas se apoia em uma alimentação natural, variada e colorida, prezando pelos alimentos orgânicos e a produção sustentável. Busca eliminar ou reduzir o consumo de produtos de origem animal.

Já os alimentos industrializados e ultraprocessados, que em sua maioria carregam corantes, conservantes indecifráveis ou são produzidos com farinhas refinadas e açúcar, são excluídos do cardápio plant based, algo que nem sempre acontece em uma alimentação vegana.

PLANT BASED: BENEFÍCIOS

Estudos relacionam o crescimento da dieta plant based ao reconhecimento de seus benefícios, já que a ingestão diária de carne, gordura e excesso de carboidratos, tem sido associada ao aumento de doenças crônicas na população, ou seja, essa dieta pode ser uma forte aliada no tratamento da obesidade, diabetes, hipertensão, hiperlipidemia e doenças cardiovasculares. Mas atenção: Para iniciar uma dieta plant based, é fundamental que a ingestão seja variada incluindo, cereais, raízes, grãos, oleaginosas, frutas, verduras e legumes, pensando sempre que quanto mais cores diferentes, mais nutrientes distintos serão consumidos.

Mas, e o Veganismo?

Ser vegano ou vegana não é sobre a dieta, mas sim uma filosofia de vida que exclui toda forma de exploração e sofrimento animal que engloba desde a alimentação, excluindo alimentos derivados ou de origem animal, produtos testados em animais, até o que você veste, como por exemplo, o couro ou qualquer outro tipo de finalidade. Porém ter uma dieta baseada no veganismo, não significa tirar do cardápio alimentos industrializados, ou seja, as vezes um alimento pode ser considerado vegano, mas não é necessariamente plant based.

VEGANO OU PLANT BASED, BUSQUE ORIENTAÇÕES!

É importante dizer que antes de adotar alguma dessas dietas Vegano e Plant Based, você deve procurar orientação médica e de um nutricionista, fazer um hemograma completo e saber se possui alguma deficiência pré-existente como a de vitamina B12, ferro e ácido fólico, já que são os alimentos derivados e de origem animal que fornecem grande parte desses nutrientes, além é claro de serem a maior fonte de proteínas que ingerimos diariamente.

.Para que as necessidades diárias sejam supridas, é necessária uma adequação das quantidades e tipos de alimentos ingeridos, e dependendo do caso uma suplementação de vitaminas e minerais podem ser indicadas.

Então, se você diminui ou exclui a carne, onde vai encontrar proteínas? E o ferro? Bom, eles podem ser encontrados em diversas formas e aqui vão algumas sugestões versáteis e saborosas:

  • Fonte de ferro: Folhas verde escuro como o espinafre, escarola, agrião, rúcula, couve
  • Vitamina C: Aumenta a absorção de ferro pelo organismo, como a laranja, mexerica, morango, limão
  • Proteínas: Grãos e leguminosas como feijões, lentilha, grão de bico, ervilha, quinoa, castanhas, semente de abóbora, tofu, cogumelos

Seja uma alimentação vegana ou plant based, busque sempre orientação e o acompanhamento de um profissional para evitar refeições nutricionalmente pobres e tenha em mente a importância que a adoção de hábitos saudáveis unidos a alimentação podem beneficiar sua saúde.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.